Motivos para fornecer cesta básica aos funcionários
Empresas

2 motivos para fornecer cesta básica aos seus colaboradores

Se você é empresário ou faz parte do RH de uma empresa, com certeza já deve ter pesquisado bastante sobre o PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador) e sobre os benefícios fiscais que o governo federal concede a quem garante uma alimentação saudável a seus colaboradores.

Você também já deve ter se informado sobre o quanto os bons hábitos alimentares influenciam a produtividade e evitam acidentes de trabalho. Diante disso, você provavelmente já se convenceu de que é importante oferecer um alimento de qualidade à sua equipe… mas, pode ser que ainda esteja em dúvida sobre que tipo de benefício oferecer.

A principal dúvida das empresas é: o que é melhor, cesta básica ou cartão alimentação? Neste artigo eu vou te mostrar que ambos têm suas vantagens. Porém, se a sua empresa se preocupa efetivamente com o bem estar não só do colaborador, mas de toda a sua família, dois motivos farão você se convencer de  que a cesta é a melhor opção. Leia o artigo até o final e tire suas próprias conclusões. 

Vantagens e desvantagens

Tanto a cesta básica quanto o cartão alimentação oferecem benefícios interessantes para os empregadores e colaboradores. 

A oferta de cesta básica é uma opção bem tradicional e de excelente custo-benefício. O empregador garante os incentivos fiscais do Programa de Alimentação do Trabalhador e o colaborador não precisa se preocupar com o preço alto de determinados alimentos básicos nas prateleiras dos supermercados. A cesta ainda é uma opção prática, que pode ser personalizável, de acordo com a demanda de cada empresa.

O cartão alimentação, por sua vez, é uma forma mais moderna de beneficiar sua equipe de colaboradores. Com o cartão alimentação, os colaboradores podem comprar produtos alimentícios, de higiene pessoal e até mesmo de limpeza para casa. Ele recebe um cartão, e a empresa carrega esse bilhete com um dado valor a cada mês. Assim, o colaborador tem a liberdade de escolher o que comprar, onde comprar e quando comprar ao longo de 30 dias de validade do crédito do cartão.

A melhor escolha

Embora haja vantagens tanto na cesta básica quanto no cartão alimentação, é importante avaliar qual das duas opções se adequa melhor ao perfil da sua empresa.

No entanto, dois motivos “extras” podem fazer você preferir a cesta básica. E esses dois motivos têm relação direta com o bem-estar não só do colaborador, mas de toda a sua família.

Motivo 1

O primeiro motivo é a qualidade dos alimentos consumidos. Com a entrega da cesta básica, a empresa saberá exatamente o que o colaborador e sua família estão consumindo. Isso no entanto, não ocorre com o cartão alimentação.

Se, ao invés de comprar arroz, feijão, carne, legumes e demais produtos essenciais para a família, o colaborador decidir gastar todo o crédito do cartão em balas e chocolates, por exemplo, ele pode fazer isso. Ou seja, não há como controlar a qualidade do que se está, efetivamente, consumindo.

Motivo 2

O segundo motivo é a satisfação da família! Quando a cesta básica é bem elaborada, diversificada e completa, ela agrada toda a família. O dia do recebimento da cesta em casa acaba sendo um dia de festa. Toda a família aguarda a cesta para abrirem juntos e compartilharem deste momento de surpresa/expectativa. O cônjuge fica feliz, as crianças se deliciam com uma ou outra guloseima e até um jantar especial é preparado para comemorar… Isso, não há dinheiro que pague!

Gostou deste artigo? Ficou alguma dúvida sobre as vantagens e desvantagens do cartão e da cesta básica? Agora que você já está ciente de que, para nós, a cesta básica é o melhor benefício, conheça a Silvestre Alimentos e saiba porque ela é uma das melhores fornecedoras de cestas básicas do Estado de São Paulo

(Clique Aqui)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *