Descubra tudo o que é preciso para abrir um mercadinho

Descubra tudo o que é preciso para abrir um mercadinho

O mercado de alimentos está em expansão, e costuma ser uma aposta certeira para quem busca uma alternativa de renda. E uma alternativa além da venda de alimentos prontos para consumo é a criação de um mercadinho.

Isso porque a venda de alimentos prontos pode gerar uma série de riscos. Afinal, caso as vendas não ocorram como você planejou naquele dia, há o risco de perdas. Já a venda dos alimentos “in natura” oferece mais margem de tempo para você.

Quer saber tudo para que o seu negócio seja bem-sucedido? Continue conosco e veja algumas dicas essenciais para abrir um mercadinho de sucesso.

1. Lembre-se: planejar seu mercadinho é algo essencial

Você certamente está ansioso para ver seu mercadinho aberto. Porém, é essencial que você realize um bom planejamento antes de abrir as portas.
Esse planejamento inclui, por exemplo, selecionar o ramo que deseja alcançar. A partir disso, você precisa encontrar os distribuidores que possam atender você com a regularidade que você precisa. Esse processo pode ser longo e delicado, e envolver uma série de testes.
Empresas como a Silvestre Alimentos podem ajudar você a por esse sonho em prática, já que revendem alimentos no atacado e podem auxiliar em todo o processo.

2. A gestão financeira pode fazer toda a diferença

Tanto quanto o planejamento, um dos desafios de quem está iniciando um negócio é entender como funcionam as finanças. Então, você precisa entender, por exemplo, o que é capital de giro e qual o valor necessário para a manutenção do seu mercadinho.

Por isso, se você não domina essa parte, é preciso contar com a ajuda de alguém. Isso é importante, pois assim você terá controle sobre o andamento de suas finanças.

3. Invista em tecnologia

Na era digital, estar alheio a tecnologia pode fazer toda a diferença em seu mercadinho. A tecnologia pode ajudar você, tanto a chegar mais fácil em seu cliente quanto a ter mais controle de seu negócio.

Existe, por exemplo, sistemas completos de gestão de mercado, onde além do controle do estoque, você pode ter todo o controle financeiro. Assim fica muito mais fácil estimar seu lucro.

Outra possibilidade que está se tornando cada vez mais comum é a venda através de aplicativos. Neles, seu cliente escolhe os itens que deseja sem sair de casa, de forma rápida e segura. E isso é essencial no atual período em que vivemos.

4. Não esqueça do marketing de seu mercadinho

“Quem não é visto não é lembrado”. Essa é a essência mais crua do marketing. Então, vale a pena gastar algum tempo nessa parte essencial do negócio. Afinal, é dessa forma que seus potenciais clientes saberão da existência de seu mercadinho.

Outra dica fundamental é criar uma rede de contatos. Assim, você pode, por exemplo, informar sobre promoções e descontos, atraindo novas vendas.

 

Gostou das dicas para o seu novo negócio? Para acompanhar mais, clique aqui e veja as últimas publicações em nosso blog.

Drop here!